quarta-feira, 7 de março de 2012

Sangue Quente - Issac Marion









Titulo: Sangue Quente
Titulo Original: Warm Bodies
Autor: Issac Marion
Editora: Leya
ISBN: 9788580440331
Número de páginas: 256





Sinopse: R é um jovem vivendo uma crise existencial - ele é um zumbi. Perambula por uma América destruída pela guerra, colapso social e a fome voraz de seus companheiros mortos-vivos, mas ele busca mais do que sangue e cérebros. Ele consegue pronunciar apenas algumas sílabas, mas ele é profundo, cheio de pensamentos e saudade. Não tem recordações, nem identidade, nem pulso, mas ele tem sonhos. 
Assustador, engraçado e surpreendentemente comovente, Sangue Quente fala sobre estar vivo, estando morto, e a tênue linha que os separa. 


Muita polemica cerca este livro, que foi intitulado o Crepúsculo com Zumbis, e pelo qual meu namorado nutriu um ódio instantâneo, como pode um Zumbi raciocinar ou se apaixonar? Para o Issac Marrion nada é impossível.

R é o nosso protagonista e narrador, um zumbi que não tem nenhuma lembrança da sua origem e que passa os dias vagando num aeroporto vazio ou indo à caça de carne fresca, porém ele é diferente dos outros, pois ele reflete sobre a sua condição de Zumbi e ainda possui alguns traços humanos em sua personalidade.

Julie é a nossa ‘’mocinha’’ que acaba sendo salva por R, e a partir daí ele começa a sentir várias mudanças internas, muito por causa de Julie e também por outra questão que eu não irei falar para não estragar a surpresa.

Não se engane! Este não é mais um livro jovem adulto bobinho, Issac Marion incluiu sexo, drogas e personagens cheios de defeitos em sua narrativa, Julie é uma personagem muito machucada pela vida e possui uma atitude muito forte e não se deixa enganar facilmente.

Eu me afeiçoei ao livro com facilidade, é fácil gostar de Sangue Quente, ele possui uma história diferente e intrigante, você não sabe aonde o autor vai te levar e a cada página me encontrava mais envolvida, mas mesmo com toda a expectativa eu não gostei do final, achei insosso.



Sangue Quente virou filme e ia ser lançado neste ano, mas a estréia foi adiada sem nenhuma razão aparente para 2013, no elenco temos Nicholas Hoult( O Fera de X-Men First Class) como R, Teresa Palmer ( December Boys) como Julie e John Malkovich ( amo demais) como o General Grigio , o pai de Julie.


Ao lado temos a foto da caracterização dos personagens, estou super ansiosa para ver este filme.


Resumindo: Sangue Quente é uma experiência inusitada.

Vale a pena conferir.

3 comentários:

  1. Foi só ler a comparação com Crepusculo que já perdi completamente a vontade de ler. Não que eu não goste de Crepusculo, acho um romance muito bom, mas não serve como fantasia e muito menos como história de vampiro.
    Provavelmente não lerei este livro, apesar dos elogios que você fez, porque acho que romance entre zumbi e humano é um pouuuco exagerado demais...
    Mas ainda assim, parabéns, sua resenha ficou muito bem feita!


    Beijoss
    Thaís - Berchim e etc

    ResponderExcluir
  2. Olha, sinceramente, eu não boto muita fé nesse livro. Um dia vou lê-lo se calhar de parar em minhas mãos, porém não tenho tanta vontade de procurá-lo ou comprá-lo. É que eu não concordo com esse negócio de Zumbi se apaixonar, afinal, convenhamos, o cara está morto e em putrefação. Nada legal em um romance.

    ResponderExcluir
  3. Achei um livro ótimo, e não tem nada a ver com Crepusculo, aliás, o livro é sobre pessoas querendo mudar o mundo e se sacrificando por isso, bem diferente...

    Apesar de que o final ficou meio estranho, né?

    Eles poderiam apenas ter virado zumbis, todos eles e ponto final.

    Falow
    o/

    ResponderExcluir

Adoraríamos saber a sua opinião, por isso, fique a vontade para expressá-la! Mas se ela for ofensiva, não iremos aceitá-la! =D