domingo, 3 de abril de 2011

Séries com Morte

Olá, pessoas! Essa semana foi marcada pela morte de nosso ex-Vice Presidente José Alencar e depois de passar dias vendo o acompanhamento incessante da mídia no seu velório, notei uma coisa interessante: a quantidade absurda de séries envolvendo morte e mortos que acompanho ou já acompanhei. E não são todas dramáticas não! Tem até comédia! Por isso, resolvi fazer um post sobre séries em que o centro da história é a morte. Vamos à lista!



1. Ghost Whisperer: A série é sobre Melinda Gordon (Jennifer Love Hewitt), uma moça aparentemente normal, mas que guarda um segredo assombroso: ela consegue falar com os mortos. As únicas pessoas que sabem do seu segredo são sua mãe, seus melhores amigos, e seu marido (perfeito) Jim. Em cada episódio Melinda ajuda um espírito a fazer a “travessia” e ir para o céu. GW não trazia muitas surpresas, mas mesmo assim era um bom passatempo. Mas uma coisa que GW sabia fazer bem eram finais de temporada! Nossa, era cada coisa que acontecia que não tinha como segurar as lágrimas! Teve 5 temporadas, reprisadas no Sony, às 19h, de segunda a sexta. Detalhe: o Jim é o melhor marido já escrito! Não tem personagem de romance de banca que chegue perto da perfeição de Jim. Homens, assistam GW e se inspirem. #ficaadica

2. Dead like me: Essa série é meio antiga (2003/2004). Passava no Sony também e teve vida curta – só 2 temporadas -, mas era super legal. Com muito humor negro, mostrava o trabalho de um grupo de ceifadores bem peculiares. Georgia Lass (Ellen Muth), a recém “admitida” no emprego, é narradora da série que morreu atingida por uma privada vinda da estação espacial MIR. Sua vida não era lá essas coisas e ela esperava que sua morte fosse um pouco melhor. Ledo engano. As questões mal resolvidas da vida ainda lhe perseguem e ela agora ainda tem que coletar almas pra viver. DLM era bem legal e ainda rendeu um filme (com o mesmo nome), que funcionou como um closer para os fãs surpreendidos com o final repentino da série.

3. Dexter: O serial killer mais querido da TV é o foco dessa série, que já teve post aqui no blog. Como o protagonista tem a vocação de matar pessoas, morte é o que não falta nessa série. Está na 5ª temporada e é transmitida pela FX nas quintas, às 22h. Mas quem não tem FX pode ver pelo canal Liv que a está exibindo desde a primeira temporada, aos domingos, 23h.

4. Pushing Daises: Série queridinha dos críticos, PD contava de forma bem colorida (sério. As imagens eram muito coloridas!) a saga de Ned, dono de uma loja especializada em tortas, que tinha o poder de ressuscitar os mortos ao tocá-los. Mas um detalhe muito importante tinha que ser lembrado: se o ressuscitado “vivesse” mais de 1min, outra pessoa/animal morria no lugar dele. Então, Ned tem que tocar novamente o “morto/vivo” em menos de 1min para que ele morresse novamente e tudo voltasse ao normal. O detetive Emerson Cod descobre o dom de Ned e pede que ele o ajude a solucionar crimes de homicídio de uma forma bem simples: perguntando ao morto seu assassino. Isso, claro, em menos de um minuto! Tudo ia bem até que Chuck, a namoradinha de infância de Ned morre e ele, ao achar o corpo a ressuscita. Pena que eles agora não podem mais se tocar. A história é bem interessante e era contada de forma leve e divertidíssima. O humor ficava por conta de Kristin Chenoweth que interpretava Olive Snook, a garçonete da The Pie Hole que é apaixonada pelo patrão, mas nunca é correspondida, como também pela narração da série, sempre inusitada. PD renderia um post só dela. Passava na Warner (2008) e só teve 2 curtas temporadas.

5. Cold Case: Começando a lista das séries investigativas, CC mostra o trabalho de um grupo de detetives especializados em cold cases, ou seja, crimes arquivados sem solução. Não difere muito de outras séries investigativas, mas CC tem um diferencial: a trilha sonora. Ao final de cada episódio, quando o crime é solucionado, sempre toca uma música TUDO a ver com o caso! É impressionante. Teve 7 temporadas, reprisadas se segunda a sexta na Warner, às 14h.

6. Franquia Criminal Minds: Uma das minhas séries favoritas, CM é centrada num grupo do FBI especializado em análise comportamental de criminosos, especialmente serial killers. Utilizando-se principalmente da psicologia, o pessoal da BAU (Behavioral Analysis Unit) desvenda os crimes que lhes são apresentados. CM de vez em quando insere os dramas pessoais dos agentes na história, os deixando mais humanos e reais para o telespectador. A série é muito bem bolada e rendeu um spinoff, que estreou esse ano nos EUA. O original passa no AXN, todas as segundas, às 22h, para episódios inéditos, sendo as temporadas passadas reprisadas de segunda a sexta, às 8h e 15h.

7. Franquia CSI: Franquia investigativa mais famosa depois de Law and Order, CSI passou a ser conhecida do grande público depois do original (Las Vegas) ser exibido na Record. Muitas pessoas são alucinadas por CSI, e com toda razão! Adoro todos os três (Las Vegas, Miami e NY)! Apesar de ter algumas irregularidades lógicas – tipo, os caras são peritos e não os detetives! Mas tudo bem – os personagens são únicos e especiais (David Caruso e sua canastrice são impagáveis), os crimes são factíveis e a soma disso tudo dá um ótimo entretenimento! O Las Vegas agora vai passar no Sony, segundas, às 21h, o Miami e o NY continuam no AXN, às 21h, nas quartas e quintas, respectivamente.

8. Franquia NCIS: É tipo o CSI da Marinha Americana. Funciona no mesmo estilo, mas eles não são os peritos, mas sim agentes mesmo. O original também está na minha lista de favoritas, mas não consegui engolir o Las Vegas. Os personagens são engraçadíssimos e formam uma turma muito interessante e que funciona bem junta (isso no original, ok galera?). Muito bom divertimento – apesar de ser à custa de mortes de marinheiros. Original no AXN, nas terças, às 22h, e o NCIS Las Vegas passa no A&E, mas infelizmente não achei o horário da transmissão. 

É isso, pessoas. Quem conhecer mais séries que se encaixem nessa lista, coloque aí nos comentários!
Bom domingo!

3 comentários:

  1. Ain...eu tbm assisto demais essas séries envolvendo morte...que coisa, hein?!

    Eu amava Pushing Daises...era tãaaaao fofa...pena que acabou!!

    Dessas séries investigativas, minhas preferidas são NCIS (a primeira, única e original!!Giiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiibbs!! *_______*) e Criminal Minds (tbm a primeira e original!!)

    =D

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Adorei o post
    Realemnte eu amo esse tipo de séries, é sempre muito intrigante
    Beijinhoss

    ResponderExcluir
  3. Pessoas, o ótimo blog Box de Séries fala de curisidades de Pushing Daises na coluna CAixa Preta dessa semana.
    Pra quem quer conhecer um pouquinho mais dessa maravilhosa série, taqui o link:
    http://www.boxdeseries.com.br/site/12-curiosidades-tocantes-sobre-pushing-daisies/

    Abç

    ResponderExcluir

Adoraríamos saber a sua opinião, por isso, fique a vontade para expressá-la! Mas se ela for ofensiva, não iremos aceitá-la! =D